cro

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

[Livro & Filme] Percy Jackson & the Olympians: The Lightning Thief


Título Original: Percy Jackson and the Lightning Thief
Título em Português: Percy Jackson e os ladrões do Olimpo
Série: Percy Jackson and the Olympians #1
Autor(a): Rick Riordan
Editora: Casa das Letras
Páginas: 331
Data de Publicação: Janeiro de 2010

buy the book from The Book Depository, free delivery
Sinopse:
Percy Jackson está prestes a ser expuso do colégio interno...novamente.E esse é o menor dos seus problemas.Ultimamente, criaturas fantásticas e os deuses do Olimpo parecem estar a sair das páginas de mitologia para entrarem na sua vida.E o pior de tudo é que ele parece ter enfurecido alguns deles.O raio-mestre de Zeus foi roubado e Percy é o principal suspeito.
Agora, Percy e os seus amigos têm apenas dez dias para encontrar e devolver o símbolo do poder de Zeus e restabelecer a paz no Olimpo.Para o conseguir terá de fazer bem mas do que descobrir o ladrão: terá de enfrentar o pai que o abandonou, resolver o enigma do Oráculo e desvendar uma traição mais ameaçadora e poderosa do que os próprios deuses.

Opinião:
Não sei ao certo que estava à espera de Percy Jackson e os Ladrões do Olimpo. É certo que já tinha visto o filme, há já bastante tempo, e que sendo um livro com mitologia grega era um must-read para mim.

Primeiro que tudo, nem foi muito complicado esquecer o filme em detrimento do livro, uma vez que notei em bastantes diferenças, começando pelo facto de que Percy no livro tem apenas 12 anos, e o Logan Lerman (actor que dá vida a Percy nos filmes) está bem longe de parecer ter 12 anos; para mim, no mínimo, uns 15 anos, se não mais. E o facto de o filme não estar assim tão fresco na memória também ajudou e assim, apesar de ter as minhas suspeitas – por causa do filme – o facto de ser uma memória tão difusa, conseguiu manter o “mistério” durante boa parte do livro.

Achei o livro bastante bem escrito e gostei bastante, no entanto, acho que teria gostado muito mais, há uns aninhos. Gostei bastante de como a mitologia grega se mistura com tanta naturalidade no “mundo real”. A verdade é que pouco tenho a dizer em relação ao livro; foi bastante prazeroso e certamente continuarei com a saga, até porque quero chegar à nova saga, onde Percy já é mais velho e maduro, mas não há nada que valha a pena destacar do resto. Vamos a ver como desenvolve esta saga – que tenho esperanças que se torne melhor a cada livro e a cada aventura nesta mitologia grega que tanto gosto.




Título Original: Percy Jackson & the Olympians: The Lightning Thief
Título em Português: Percy Jackson e os Ladrões do Olimpo
Realização: Chris Columbus
Argumento: Craig Titley (screenplay), Rick Riordan (novel)
Elenco Principal: Logan Lerman, Kevin McKidd, Steve Coogan
Ano: 2010 | Duração: 110 mins

Sinopse:
Num mundo moderno onde os doze deuses do Monte Olimpo (empoleirados 600 andares acima do planeta, no edifício marco de Nova Iorque - o Empire State Building) estão vivos e prestes a criar uma nova raça de jovens heróis mitológicos que são semi-deuses - metade mortal, metade deus. Percy, o filho adolescente de Poseidon, é suspeito por Zeus de roubar o seu relâmpago, a arma mais poderosa do universo. De forma a provar a sua inocência e evitar uma guerra devastadora entre os deuses, ele embarca numa odisseia transcontinental com o objectivo de encontrar o verdadeiro ladrão. No decorrer da sua viagem confronta cruéis inimigos determinados em detê-lo e tenta ainda salvar a sua mãe das garras mortais de outro deus grego chamado Hades.

Opinião:
Tendo lido o livro, decidi rever o filme e… what a disappointment.

Eu vi Percy Jackson assim que chegou aos cinemas. E tenho a recordação de ter gostado imenso. É divertido, interessante, tem acção, lutas, piadas, tensão… mitologia grega; basicamente tinha tudo para ser um bom filme. Nunca entendi, na altura, porque tanta gente reclamava com o filme. Agora entendo.

Como filme por si só o filme não é mau de todo – não é nada de extraordinário, mas é giro e divertido. No entanto, depois de ler o livro, me apercebo a borrada que fizeram nesta adaptação. Basicamente quase nada passou do livro para a película, excepto nomes, uma ou outra situação mais fundamental, de resto mudaram quase tudo e… Bom, para quem leu o livro, é realmente desapontante e triste, para dizer a verdade.

Agora, depois de ter lido o livro, acho que não consigo ver o filme da mesma forma e fico, até certo ponto, triste porque o filme deixou de ter o impacto que tinha em mim. Normalmente, sou defensora que quando vemos um filme que é adaptação de um livro temos que ver para lá do livro. É óbvio que é importante o manter-se fiel ao livro, mas muitas vezes o que é escrito não é propriamente fácil (ou simplesmente possível) de transformar em imagem com movimento. E eu tive isso em conta, a questão é que o filme não satisfez minimamente. Afastou-se de tal forma do livro que perdeu o seu brilho. De certa forma, até fico contente por terem desistido de continuarem com a produção de mais filme de Percy Jackson para além do Mar dos Monstros , o filme seguinte a este.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Todxs são bem-vindxs a contribuir para este blog, mas apenas pedimos que o façam de forma respeitosa e coordenada.