cro

segunda-feira, 7 de setembro de 2015

[Livro] The Brigadier's Runaway Bride, de Erica Ridley


Título Original: The Brigadier's Runaway Bride
Título em Português: --
Série: The Dukes of War #5
Autor(a): Erica Ridley
Editora: Intrepid Reads
Páginas: 250
Data de Publicação: 1 de Setembro de 2015
Sinopse:
Miss Sarah Fairfax is having a wretched year. Her intended perished at war. His child is in her belly. To secure her future, she resigns herself to a loveless marriage. Just as she’s about to say "I do," her fiancée returns from the grave to crash the wedding... but he’s no longer the charming, carefree man she remembers. After being left for dead on the battlefield, Brigadier Edmund Blackpool is scarred inside and out. He fights his way home only to discover his intended before the altar with his best friend. He'll be the one to marry her, no matter what she wants! But when his new bride disappears with his child, he must reopen his wounds to win the most important battle of his life.
~ Recebemos este livro via NetGalley. Obrigada! ~

Opinião:
Este foi o primeiro livro que li via NetGalley. Nunca tinha ouvido falar desta autora, por isso foi uma completa novidade.

Neste romance histórico temos uma história com uma perspectiva diferente: normalmente, lemos o que acontece antes do casamento e filhos, como se conheceram, se gostaram ou não logo um do outro, etc. Aqui, o livro foca a vertente já após o casamento e o nascimento não de um bebé, mas de gémeos (trabalho duplo!).

Sarah e Edward apaixonaram-se à primeira vista, pelo que parece e, antes de ele partir para a guerra, decidiram que fazer amor seria uma boa ideia, dado que quando ele voltasse se casariam. Ora 8 meses e tal depois está a moça bem redondinha e ele dado como morto.

Os amigos de Edward, apesar de aparecerem poucas vezes, pareceram-me personagens interessantes, dispostas a tudo para ajudar Sarah (que tinha ficado grávida e sem pai para os filhos).

Quando Edward volta e espera encontrar a sua noiva a tentar perceber o porquê de ele não ter sido procurado, a sua vida dá uma volta muito grande: em vez de ser apenas um noivo apaixonado, ele é um papá poucos dias depois de casar com Sarah, para que os gémeos nascessem legítimos.

O livro trabalha (pouco) com a temática do stress pós-traumático. Se querem pegar nesses temas, ao menos desenvolvam-nos um pouco mais, mostrem mais o que aconteceu, não só ao personagem principal como aos que o rodeiam. Porque todos sofrem, de maneiras diferentes.

Achei que o amor e o romance entre o casal podia ter sido mais trabalhado, vê-se (e sente-se) muito o amor que têm pelos filhos, mas o que têm um pelo outro, isso é pouco.

A escrita foi um bocado repetitiva, as descrições das personagens e dos sítios foram muito fracas, devia ter sido tudo mais explorado.

Apesar de tudo isto, o livro pegou no trabalho que dá criar dois filhos, gémeos, com pouco dinheiro, e com problemas que serão sempre difíceis de ultrapassar. Com o apoio dos amigos e da família, novamente algo que poderia ter sido mais desenvolvido, dar um livro um bocadinho maior e melhor, eles lá seguem com a vida e o livro acaba com a promessa de algo melhor.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Todxs são bem-vindxs a contribuir para este blog, mas apenas pedimos que o façam de forma respeitosa e coordenada.