cro

quinta-feira, 12 de maio de 2016

[Eve e as Trevas] Qual o mais delicioso?

 Ler em Português      Read in English



Capa mais deliciosa: Nenhuma

Porquê?
Carla: Bom, começo por dizer que o quer que venha a escrever será única e simplesmente em relação às capas, uma vez que não li o livro. Primeiro que tudo posso dizer que até gosto da composição da capa nacional em relação à original, mas sinto que apenas vendo a capa estaria a ler um livro qualquer de bondage e coisas afins. Segundo, nada na imagem nacional remete para o lado oriental - que sei que existe na história - e que está tão bem retratado na capa original. A capa original consegue manter algum tipo de sumo em relação ao enredo. Neste caso em particular vou dizer que não gosto de nenhuma das capas. Para mim nenhuma é deliciosa.

Joana: Ao contrário da Carla, eu li o primeiro livro desta série (cuja crítica podem ler aqui) e até tenho o segundo cá em casa (apesar de não ser fã da personagem principal, gosto das outras personagens e quero saber o que lhes acontece). A primeira vez que vi a capa portuguesa, pensei que não tinha nada a ver com capas de outros livros da mesma autora, e não sendo muito fã da maioria das suas capas portuguesas, isto até poderia parecer um elogio – mas não é. Não acho a capa atractiva e, sinceramente, acho que tem pouco a ver com o livro. Já a capa original, tem alguns traços mais característicos da história, como o facto da nossa protagonista ter ascendência oriental. Porém, também não a acho apelativa e acaba por não chamar propriamente a atenção do público que talvez tenha mais interesse por estes livros, de fantasia com erótico à mistura. Na minha opinião, e concordando com a Carla, nenhuma das capas é deliciosa.


E vocês, qual a vossa favorita?

2 comentários:

  1. Respostas
    1. Nós também, entre uma e a outra, a estrangeira é melhor :p mas nenhuma é boa! ahah

      Eliminar

Todxs são bem-vindxs a contribuir para este blog, mas apenas pedimos que o façam de forma respeitosa e coordenada.