cro

sábado, 14 de fevereiro de 2015

[Livro] Sedução nas terras altas, Emma Wildes


Título Original: Seducing the Highlander
Título em Português: Sedução nas terras altas
Série: ---
Autor(a): Emma Wildes
Editora: Planeta
Páginas: 288
Data de Publicação: 07 de Janeiro de 2015

buy the book from The Book Depository, free delivery
Sinopse:
Seduzir Ian
Raptada pelo perturbante highland Ian McCray e mantida como prisioneira, Lady Leanna Arlington sente-se aterrorizada, mas o seu captor ajudou-a a fugir de um casamento indesejado. Agora, está nas suas mãos convencer o viril escocês a ficar com ela...

Seduzir Robbie
Julia Cameron está em fuga e procura um protector. O infame Robbie McCray está desesperado para substituir os navios confiscados pelo inimigo inglês. Tudo o que tem a fazer é elaborar um acordo mutuamente satisfatório e peca-minosamente mau...

Seduzir Adain
Quando se depara com uma bela mulher a ser atacada, Adain Cameron espanca e defende a dama. Com os bandidos ele lida com a pistola e espada, mas a linda Lady Gillian Lorin pode exigir um conjunto de armas diferentes…

Opinião:
Este livro da Emma Wildes está dividido em três contos, todos interligados pelas personagens masculinas. Sinceramente, acho que isto foi desde logo um erro porque o livro têm 288 páginas e estando dividido em três é difícil criar um enredo que nos atraia muito.

Vou dividir esta review por cada parte do livro e no fim farei uma apreciação geral e darei uma classificação a cada parte do livro e uma classificação geral.

Livro 1 – Seduzindo Ian
Nesta primeira parte temos a história de Ian McCray e de como este rapta uma jovem e puff, é amor e sexo à primeira vista. Eu gosto de literatura romântica com toques eróticos, e a Emma Wildes costuma ter enredos muito bons que nos fazem gostar das personagens e perceber a história por trás deles, mas neste primeiro conto isso para mim não aconteceu. Ao fim de duas páginas estão na cama e pouco depois estão loucamente apaixonados um pelo outro. Eu que sou romântica por natureza (e gostava de acreditar que se pode gostar de alguém à primeira vista e a partir do conhecimento dessa pessoa o “gostar” pode-se tornar em “amar”) achei que foi uma história pobre pois tem muito de erótico e pouco de história propriamente dita. As cenas amorosas estão bem escritas, como é costume com a autora, apesar da linguagem não ser a que mais me agrada, contudo está de acordo com a personagem masculina.

Leva 2.5 porque gostei da personagem do primo de Ian que, com um sorriso, descobri que era a personagem principal masculina do próximo conto.


Livro 2 - Seduzindo Robbie
Neste conto, como já disse, temos o apaixonar de Robbie McCray pela bela Julia. Este conto já têm um maior desenvolvimento no que toca aos problemas que se entrepõem numa família e já nos conta um pouco mais sobre as personagens ainda que, como no primeiro, saiba-se mais sobre as personagens femininas do que sobre as personagens masculinas, o que é pena, dado que as personagens que mais me interessaram em termos de história pessoal foram mesmo as masculinas.

Mantêm-se as cenas de teor erótico, talvez um pouco em demasia mas menos que no conto anterior e estão bem enquadradas com as suas personagens.

A minha única verdadeira crítica, em termos de história a este conto, é que tenta trazer um pouco de mistério a um conto erótico mas o leitor descobre logo em 2 ou 3 páginas tudo o que aconteceu.


Livro 3 - Seduzindo Adain
Por fim, neste livro temos a história de Adain que, ainda que seja um escocês ligado à família anteriormente falada, não é um McCray.

Aidan é um homem que se sente bastante ferido e sozinho, e é talvez a personagem masculina que melhor conhecemos dado a sua presença no livro anterior. Gostei dele e de Lady Gillian, uma mulher compreensiva e que agia de acordo com o seu passado.

Apesar deste conto não ser (e ainda bem!) como o primeiro, para mim não foi tão bom como o segundo, que foi definitivamente o favorito.


Em geral, e avaliando o livro como um todo, está bem escrito mas falta-lhe algum desenvolvimento no que toca às histórias individuais das personagens e falta um enredo mais complexo para manter até o mais apaixonado leitor agarrado ao livro.



Sem comentários:

Enviar um comentário

Todxs são bem-vindxs a contribuir para este blog, mas apenas pedimos que o façam de forma respeitosa e coordenada.